Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



CHUVA PORFIADA

Segunda-feira, 30.11.15

Antes frio e geada do que chuva porfiada.”

 

Outro enigmático adágio muito utilizado na Fajã Grande na década de cinquenta. Enigmático porque numa terra onde a água, apesar de abundante, era absolutamente necessária e muito útil, em nenhuma circunstância a sua presença, personificada na chuva, seria preterida ao angustiante frio ou à malfazeja geada. No entanto não se trata, segundo o provérbio, duma chuva qualquer, mas sim duma chuva porfiada, isto é, uma chuva persistente, teimosa, pertinaz, que nunca mais acabava e que, para além de trazer enxurradas prejudiciais, impedia ou cerceava os trabalhos no campo e, sobretudo, o tratamento do gado. E este não podia esperar! E isso nunca, pois, o homem fajãgrandense era, por natureza, um trabalhador permanente e contínuo, sobretudo no que aos cuidados e tratamentos dos bovinos dizia respeito. Não sabia, não era capaz, nem podia estar parado. A sua força e vontade eram tais que nem o frio nem a geada o impediam de trabalhar, tanto na agricultura como na pecuária. Apenas a maldita chuva torrencial, permanente, contínua e incessante o incomodava nos seus trabalhos quotidianos.

Assim este adágio revela incondicionalmente a gigantesca força e a dinâmica capacidade de quantos viviam na mais ocidental freguesia açoriana e cuja vida e a da própria família dependia da eficiência do trabalho agrícola. Na Fajã Grande, nos dias frios de inverno também se trabalhava. Era preciso ir à erva, aos incensos e levar o gado às relvas onde pastava durante o dia, recolhendo à noite aos palheiros. Estas e outras atividades quer ligadas à agricultura, quer à pecuária tinham que ser necessariamente realizadas todos os dias. Sobretudo as ligadas à pecuária. O gado não sobrevivia, nem sequer dava leite se não se alimentasse. Mesmo nos dias de chuva necessitava de alimentos. Com chuva era mais difícil arranjá-los do que com os dias frios. Por isso antes frio e geada do que chuva porfiada.

counter

contador de visitas on line online associações
contador de visitas

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por picodavigia2 às 00:05





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  

VISITANTES

free web counter

calendário

Novembro 2015

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930

GEOCLOCK


contadores de visitas

GEOWEATHER


contador de visitas blog

GEOCOUNTER


contador de visitas

GEOUSER


contador de visitas

GEOCHAT


contador de visitas