Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



A BAÍA D'ÁGUA

Sábado, 15.11.14

A Baía d’Água era uma das maiores e mais interessantes enseadas da costa Fajãgrandense. Situada entre a Barra e o Rolinho das Ovelhas, a Baía d’Água estendia-se por um bom pedaço de baixio, no qual se incluía uma espécie de caneiro que se prolongava por terra dentro até ao Cilindro, ao Porto e às Furnas, formando assim um pequeno lugar, relativamente próximo da rua com ujo nome, por vezes se confundia mas que era diferente – A Via d’Água. Mas, na verdade, o que mais caracterizava este lugar era a baía que lhe dava o nome. A Baía d’Água era uma enorme enseada em forma de U, ladeada quer a norte, quer a sul, por escarpas de lava negra, bastante altas que obstruíam qualquer normal descida para o mar e onde se anichavam excelentes pesqueiros. Apenas, na parte mais interior, havia uma espécie de pequeno rolo, o qual se podia demandar, na tentativa de alcançar ou o mar ou uma embarcação que, eventualmente, ancorasse ali, o que era muito raro, pois as condições eram péssimas. Alem disso, na Baía d’Água, o mar, dado que a baía, na sua entrada, não tinha nenhum tipo de barro ou restinga, estava sempre muito bravo, sempre com ondas altivas, o que afastava dali o ancorar e o varar das embarcações. O Poceirão, logo adiante, com a Barra a proteger a baía e, o Cais, eram o destino de quantas embarcações chegavam ou partiam para a faina da pesca, para a caça à baleia, para uma viagem para outra freguesia da ilha. O que mais caracterizava a Baía d´Água era o facto de o pequeno rolo que a ladeava a oeste e a separava do caminho de acesso ao Porto, ter sido desde sempre destinada ao Matadouro do gado, quer nas festas do Espírito Santo, quer quando algum americano dava um jantar. Era para ali que o gado era conduzido, entre cânticos e folias e era ali que era imolado, servindo a própria baía local para despejo das partes do animal que não serviam para nada e das próprias imundícies. Ao lado havia um nicho onde eram colocados os símbolos do Paráclito - as coroas e as bandeiras.

Autoria e outros dados (tags, etc)

tags:

publicado por picodavigia2 às 16:28





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  

VISITANTES

free web counter

calendário

Novembro 2014

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30