Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



O CARRO DE BOIS VAZIO

Terça-feira, 13.01.15

Era uma vez um pai que pretendia dar uma lição de vida ao seu filho. O jovem era um pouco estouvado e arrogante, falava muito alto, cuidando que a razão estava sempre do seu lado e tratava os outros com prepotência e desprezo.

Certa manhã, o pai, cuidando que assim lhe havia de dar uma grande lição, convidou-o a dar um passeio pelo campo, onde muitos lavradores circulavam nas suas lides agrícolas diárias. Naquela manhã, porém não andava ninguém pelos campos nem se ouvia barulho algum, a não ser o canto matinal dos pássaros. O pai, no meio daquele estranho silêncio, ouviu mais algum ruído, por isso, perguntou ao filho:

- Além do cantar dos pássaros, ouves algum outro barulho?

O filho, muito amirado, parou, a fim de que o ruído dos seus passos não o confundissem e pudesse dar ao pai uma resposta verdadeira, apesar de não perceber o que ele pretendia com aquilo. Depois, voltando-se para o pai, respondeu:       

- Ouço, ouço o barulho do rolar de um carro de bois sobre o pedregulho do caminho.

-Tens razão – disse o pai – realmente ouve-se o rolar das rodas de um carro de bois, mas trata-se dum carro vazio, sem carga.

Muito admirado e cada vez mais confuso, o filho perguntou:

- Como sabe, se não o vê, que o carro está vazio?

O pai, de imediato, respondeu:

- É muito fácil saber se um carro está vazio ou cheio de carga, por causa do barulho que ele faz ao rolar no caminho. É que quanto mais vazio o carro está, maior é o barulho que faz sobre a calçada onde rola. Por sua vez, o carro cheio, torna-se mais pesado e faz menos barulho. – E concluiu o velho e sábio pai: - Assim como os carros de bois também as pessoas. Quanto mais vazias são, mais gritam e mais barulho fazem.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por picodavigia2 às 10:42





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  

VISITANTES

free web counter

calendário

Janeiro 2015

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031