Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



O GRUPO CORAL DAS LAJES DO PICO NA ABERTURA DA SEMANA DOS BALEEIROS

Sábado, 28.12.13

Ontem, dia 20 de Agosto de 2012, realizou-se a sessão solene da abertura da semana dos baleeiros, nas Lajes do Pico, presidida pelo Engenheiro Roberto Silva, presidente da Câmara daquela vila picoense,

Para além do presidente da edilidade, usaram da palavra o Dr Miguel Costa, Director Regional dos Equipamentos e Transportes, em representação do presidente do Governo Regional, o pároco da Matriz Lajense e o presidente da direcção do Grupo Coral das Lajes do Pico, Dr Manuel Francisco Costa.

No entanto o que mais caracterizou esta sessão de abertura da semana dos baleeiros e da festa de Nossa Senhora da Lurdes foi a actuação do Grupo Coral das Lajes do Pico que apesentou ao público com um repertório diversificado, com interpretação de obras de música clássica, de autores açorianos (Emílio Porto, Edmundo Oliveira, António Dionísio e outros) e ainda alguns números de música regional das ilhas.

A actuação do Grupo Coral das Lajes do Pico foi extremamente aplaudida pelos presentes, pelo facto de se tratar da primeira actuação oficial daquele Grupo, após o falecimento do seu fundador e maestro de sempre, Manuel Emílio Porto, em Abril transacto, sendo agora a direcção musical do grupo da responsabilidade do jovem maestro Ildeberto Peixoto, professor de música e vereador da Cultura da Câmara municipal lajense.

No discurso que proferiu, o presidente da direcção do Grupo Coral das Lajes do Pico, Dr Manuel Francisco Costa, referiu, com emoção, saudade e agradecimento,  a figura de Emílio Porto e do seu inequívoco contributo na formação e direcção musical do grupo desde a sua formação em 1983, até à altura em que faleceu, bem como o seu valioso contributo como músico de excelente qualidade e que nos legou um notável acervo musical.

Outro facto digno de relevo é o de esta cerimónia ter como cenário a igreja Matriz das Lajes, o que, não sendo inédito, é um bom augure do quanto se pode e devem aproveitar espaços destes, amplos, dotados de excelentes condições acústicas e subaproveitados, uma vez que até agora tinha uma muito reduzida utilização semanal – cerca de uma hora, apenas aos domingos e dias festivos.

A semana dos baleeiros continua recheada de actividades, entre as quais sobressaem muitos de índole cultural, mantendo assim uma tradição desde há muito arreigada nas festividades da Senhora de Lourdes, naquela que é considerada a vila mais baleeira de todas.

 

Texto publicado no Pico da Vigia, em 21/08/12

Autoria e outros dados (tags, etc)

tags:

publicado por picodavigia2 às 18:41





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Dezembro 2013

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031