Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



LARANJA

Segunda-feira, 03.06.13

A laranja é um fruto híbrido, por quanto terá sido criada, na antiguidade, a partir do cruzamento da cimboa ou pomelo com a tangerina. O seu sabor, varia do doce ao levemente ácido, embora existam laranjas azedas, neste caso não comíveis. Frequentemente, esta fruta é descascada e comida ao natural, ou então espremida para se obter sumo. Antigamente, nos meus tempos de criança, fazia-se um orifício no pé da laranja, retirando-lhe a parte branca e, espremendo-a, chupava-se e bebia-se como se fosse um copo de sumo. A casca exterior pode ser usada também em diversos pratos culinários, como ornamento, ou mesmo, sobretudo se ralada ou raspada, para dar algum sabor a um ou outro prato que dele necessite.

A laranja doce foi trazida da China para a Europa, no século XVI, pelos portugueses. É por isso que as laranjas doces são denominadas "portuguesas" em vários países, especialmente nos Balcãs.

A origem dos citrinos confunde-se, no tempo, com a história da humanidade. Sabe-se apenas que a maior parte dos frutos cítricos é originária de regiões entre a Índia e o sudeste do Himalaia, onde se encontram, ainda em estado silvestre, diversas variedades de limeiras, cidreiras, limoeiros, toranjeiras, laranjeiras amargas ou azedas, laranjeiras doces e de outros frutos ácidos. Assim a história da laranja inicia-se na Índia, de onde se espalhou por toda a Ásia, chegando, mais tarde, até à Europa.

Um dos primeiros locais da Europa onde se iniciou o cultivo da laranja foi a França. Na Ásia e Médio Oriente, onde era conhecida, a laranjeira, pela sua beleza, graciosidade e perfume, assumia-se como árvore ornamental e dotada de características extraordinárias e, por isso, era muito comum nos pátios das casas árabes, geralmente associada a uma fonte ou a um lago.

A laranja é muito conhecida, desejada e apreciada por ser fonte de vitamina C. Duas laranjas por dia forneceriam a quantidade de vitamina C de que o organismo precisa.

Embora desejada e muito apetecida a laranja mantém-se, hoje como ontem, interdita aos doentes com insuficiência renal, que dela se devem abster. Apenas sob a forma de um belo e excelente doce ou compota.

Autoria e outros dados (tags, etc)

tags:

publicado por picodavigia2 às 15:19





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Junho 2013

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30