Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



BUGALHOS - ALCANENA

Domingo, 26.08.18

A freguesia de Bugalhos, pertencente ao Concelho de Alanena tem mais de mil habitantes w una área de 16,6 Km2, precisamente igual à ilha do Corvo.

 Bugalos é uma freguesia tipicamente rural, onde a pecuária, o vinho e o azeite têm uma considerável importância no conjunto da sua economia. De referir também a pequena indústria e o pequeno comércio.

Festas, Feiras e Romarias: S. Amaro (Filhós - 15 de janeiro), e Nossa Senhora da Graça (último domingo de agosto).

Os Festejos realizados em Filhós, em honra de Santo Amaro, padroeiro da aldeia, realizavam-se ao ar livre, com as condições possíveis, e sujeitos à adversidade do tempo. Atravessaram-se períodos críticos de alguma turbulência. Todavia, a persistência de um grupo de jovens, pela continuidade dos festejos de Santo Amaro, torneios de futebol e bailes de divertimento, permitiu angariar fundos e fazer nascer o Salão Café – espaço de Convívio e Lazer. Louvável terá sido o empenho, esforço e dedicação de buscar sempre, juntamente com o auxílio da Câmara Municipal de Alcanena e Junta de Freguesia de Bugalhos, melhores condições para a prática Desportiva, que culminou com a construção do Pavilhão Desportivo.

Património Cultural e Edificado: Igreja Matriz, de Invocação a Nossa Senhora da Graça, Capela de Santo Amaro (Filhós) e algumas Azenhas no Rio Alviela.
Gastronomia: Migas de bacalhau, cachola, feijão com couve, broas de mel e filhós.

Artesanato: Objetos de ráfia, junco, bunho e couro.

Coletividades: Grupo Desportivo e Recreativo da Graça (Bugalhos), Centro Recreativo Cultural e Social de Filhós, Centro Social e Cultural de Pousados, Grupo Desportivo e Recreativo “Os Rápidos” (Casais Romeiros) e EFCA – Escola de Futebol do Concelho de Alcanena. CC5B – 3ª Idade, Núcleo da ARPICA em Bugalhos.

A fundação de Bugalhos data de 1219, o que faz desta freguesia uma das mais antigas da região. Está situada a sudoeste do Concelho e compreende ainda os lugares de Filhós, Pousados e Casais Romeiros. Em 1521 contava já com 78 vizinhos, cerca de 350 habitantes, sendo, nessa data, mais populosa do que Alcanena. A freguesia foi criada em 1712, anteriormente a esse data era vigararia anexa ao priorado de Santa Maria de Torres Novas, concelho a que ficou a pertencer mesmo após a sua separação, até à criação do concelho de Alcanena.

No lugar de Filhós, aproveitando o curso do Alviela, encontram-se algumas azenhas destinadas à moagem e uma fábrica de curtumes, que se encontram em estado de ruína, excetuando uma delas.

Estas azenhas possuem as obras de hidráulica necessárias para desviar o curso do rio (açudes, canais de derivação). A primeira das azenhas data de 1904, tem três bocas, a segunda tem duas bocas e ambas usavam uma roda grande como se comprova pelas marcas deixadas nas paredes.

Atualmente, é ainda possível apreciar as suas condições de produção, funcionamento e habitação e extrair importantes dados sobre a sua atividade, de grande significado para o conhecimento das atividades económicas da freguesia e da região, mas toda esta informação corre o risco de desaparecer a breve trecho, irremediavelmente perdidas estão já todas as suas componentes metálicas, devoradas pela poluição do Rio Alviela.

Ali perto, existe uma ponte militar que dá um ar pitoresco ao lugar. No Sórinho existem mais duas azenhas e uma antiga fábrica de curtumes com 16 açudes e correspondentes 4 condutas de despejo para o rio. Um pouco à frente, encontra-se o Mouseiro que é, hoje em dia, a única moagem em funcionamento, mas que se viu na necessidade de utilizar a energia elétrica, pois a poluição do rio destruiu-lhe a roda. A paisagem da freguesia é ainda enriquecida por vários aquedutos.

 

in site da CMA

counter

contador de visitas on line online associações
contador de visitas

Autoria e outros dados (tags, etc)

tags:

publicado por picodavigia2 às 08:03





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  

VISITANTES

free web counter

calendário

Agosto 2018

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031

GEOCLOCK


contadores de visitas

GEOWEATHER


contador de visitas blog

GEOCOUNTER


contador de visitas

GEOUSER


contador de visitas

GEOCHAT


contador de visitas