Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



OS POÇOS DO GADO

Terça-feira, 27.12.16

Terra de abundante criação de gado que circulava nas ruas diariamente exigia bebedouros públicos, designados por Poços do Gado.

Na Fajã Grande, sobretudo devido a um microclima específico, o gado bovino, especialmente as vacas leiteiras, eram criadas nos palheiros, durante todo o ano. No inverno, a fim de serem protegidas dos temporais, permaneciam nos palheiros durante a noite, sendo levadas para as relvas durante o dia. No verão, devido ao excessivo calor que se abatia sobre a freguesia, o gado recolhia aos palheiros de manhã e era levado para as pastagens à tardinha. Isto originava uma enorme deambulação de vacas pelas ruas da freguesia e estas necessitavam de água.

Essa a razão por que ao longo do tempo se construíram vários bebedouros nas várias ruas da freguesia. Os Poços do Gado eram grandes recipientes de forma retangular, construídos em cimento, com grande capacidade de armazenamento de água e sempre com uma torneira a alimentá-lo. Estes tanques estavam sempre cheios de água, uma vez que alguns tinham abastecimento contínuo de água e nos outros havia sempre quem se prontificasse a abrir a torneira, a fim de encher o poço. Num e noutro caso, muitas vezes a água, excedendo a capacidade do poço, jorrava abundantemente pelas ruas.

Na Fajã Grande existiam quatro Poços de Gado: um na Assomada, um no Alagoeiro, um na Tronqueira e um na Via d’Água. Mas como havia muitas grotas e ribeiras, era nestas também que os animais as suas deslocações diárias saciavam a sua sede.

Curiosamente os Poços do Gado também serviam para a ganapada brincar. Cuidando que eles eram o mar, era lá que se entretinham a ensaiar mirabolantes viagens com os seus pequeninos barcos de madeira, uns de grande qualidade outros mais toscos e desajeitados. Mas todos navegavam geralmente com destino a uma América distante no espaço mas perto na imaginação.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por picodavigia2 às 00:05





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  

VISITANTES

free web counter

calendário

Dezembro 2016

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031