Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



PADRE JOAQUIM FERREIRA CAMPOS

Domingo, 16.03.14

Natural da ilha Terceira, mais concretamente da freguesia da Terra Chã, onde nasceu em 1841, sendo filho de Joaquim Ferreira Campos e de Gestrudes Ferreira. Matriculou-se no Seminário Episcopal de Angra, fundado havia apenas nove anos, em em 28 de Setembro de 1870, altura em que tinha 26 anos de idade. Nesse ano matriculou-se apenas ele e um outro aluno de nome António de Paula Carvalho, natural da Praia da Vitória, ilha Terceira. Ter-seá ordenado em 1876 uma vez que no ano seguinte já exercia o munus sacerdotal nas Flores. Foi cura na freguesia de Ponta Delgada das Flores, de Março de 1877 a Dezembro de 1878, da Fajã Grande de 1879 a 1881 e, das Lajes, entre 1881 e 1883. O primeiro assento de óbito assinado por ele na Fajã Grande, como cura, data de 2 de Janeiro de 1880 e o úktimo de 17 de Dezembro do ano seguinte. Nessa altura foi nomeado vice vigário da paróquia da Fajãzinha ate ao ano de 1891, tendo, então, emigrado para os Estados Unidos da América, onde se manteve durante quase uma década. Em 1899 regressou à ilha das Flores que adoptara como sua terra natal e foi colocado na Fajã Grande, primeiro como vice vigário, depois como cura coadjutor e, finalmente, como vigário cargo que exerceu até 1914. Mesmo assim e após a sua exoneração permaneceu na Fajã Grande como manente, freguesia onde veio a falecer em 30 de Novembro de 1916, com 75 anos de idade. Está sepultado no cemitério desta freguesia. Na década de cinquenta ainda era recordado, com muita saudade, na Fajã Grande.

Autoria e outros dados (tags, etc)

tags:

publicado por picodavigia2 às 22:49





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  

VISITANTES

free web counter

calendário

Março 2014

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031