Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



PARTIDA

Sexta-feira, 21.11.14

Deixa ficar comigo o sol de Agosto

E espreme numa taça estilhaçada,

O sumo duma flor, a seiva, o mosto,

O perfume de cada madrugada.

 

Acende a luz do mar, grava teu rosto,

Na espuma cristalina, esbranquiçada.

Cerceia minha dor, este desgosto,

Esta mágoa infinita e malfadada.

 

Depois podes partir... Mas eu te aviso:

Cada flor nascerá sem um sorriso,

Neste rio desfeito e de espuma.

 

A esperança há-de sumir-se, uma a uma,

E a raiva, a dor, a morte, a vida em suma,

Farão sentir o fim do Paraíso.

Autoria e outros dados (tags, etc)

tags:

publicado por picodavigia2 às 07:41





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  

VISITANTES

free web counter

calendário

Novembro 2014

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30